REITs ESG: como investir no mercado imobiliário americano de forma sustentável

Conheça os REITs de infraestrutura sustentável, que vêm ganhando espaço no mercado de investimentos, pelo alinhamento com ESG.

Já falamos aqui na Sproutfi sobre os REITs, que são os “fundos imobiliários” americanos. Também falamos sobre investimentos com foco em práticas de sustentabilidade ambiental, impacto social e governança, conhecidos pela sigla ESG – Environmental, Social e Governance.

Agora você vai saber como REITs e ESG se juntam!

REITs ESG

Os REITs ESG são uma forma de Investir no mercado imobiliário americano e, ao mesmo tempo, em boas práticas ambientais, sociais e corporativas.

São também chamados de REITs "verdes", porque estão atrelados a ativos balizados por sustentabilidade. Outra forma de nomeá-los é "REITs de infraestrutura sustentável".

Antes de conhecer alguns deles, vale frisar que mesmo os REITs tradicionais vêm adotando práticas sustentáveis – já que esses valores têm sido cada vez mais procurados e valorizados pelos investidores.

Estudo da Associação Nareit (National Association of Real Estate Investment Trusts) aponta que as empresas têm caminhado na direção de ESG. A pesquisa foi realizada com os 100 maiores REITs do mercado, de acordo com a capitalização no mercado de ações. E destaca o aumento no número de REITs que publicam informações sobre a pegada ambiental que geram nos seus negócios.

Em 2020, 66 dos REITs analisados divulgaram dados em relação a suas emissões de carbono. Em 2017, foram só 38. O gráfico abaixo - que consta no relatório da pesquisa - mostra essa evolução na publicação de informações, também identificada nas áreas de uso de energia, uso de água e manejo de resíduos:

Fonte: Nareit

Ao mesmo tempo, há REITs que já nasceram com o DNA voltado à sustentabilidade. Conheça abaixo dois deles:

Hannon Armstrong ($HASI)

Esse REIT de infraestrutura sustentável é uma empresa que figura entre as líderes no financiamento de projetos de energia limpa.

Um dos focos da companhia é o financiamento de projetos que reduzem as emissões de carbono, como a instalação de equipamentos de climatização sustentáveis e a geração de energia limpa, como parques solares e eólicos.

Além de ganhos para o meio ambiente, o retorno financeiro também é notório. De 2017 a 2021, as ações da Hannon Armstrong tiveram uma valorização de 256,2%, segundo dados da Bloomberg – acima do retorno de S&P 500 no período (133,3%), do índice FTSE NAREIT All Equity REIT, que é um termômetro do mercado de REITs (79,85%), e também do ETF Global X Renewable Energy Producers, de energia limpa (71,9%).

Fonte: Hannon Armstrong, com dados da Bloomberg

A empresa tem valor de mercado de US$ 3,96 bilhões e dividend yield de 3,18% nos últimos 12 meses.

Falando em dividend yeld, já sabia que REITs pagam dividendos? Confere este outro artigo com uma explicação rápida e simples. E aliás, os dividendos desse REIT cresceram em todos os anos, com exceção de um, desde o IPO da empresa, em 2013.

Innovative Industrial Properties ($IIPR)

Esse REIT atua numa área que vem se expandindo e chamando a atenção no mundo dos investimentos: a indústria de cannabis. A estratégia da empresa é vender ou arrendar propriedades para o cultivo de maconha. Contamos tudo sobre os REITs de cannabis neste artigo aqui.

Voltado ao IIPR: esse REIT viu seu portfólio de propriedades ir de zero - à época de seu IPO, em 2016 - para 105 hoje. O pagamento de dividendos aos investidores também cresceu de forma significativa – e hoje o dividend yield está em 3,33%. A empresa tem valor de mercado de US$ 5,2 bilhões.

-

Disclaim: importante lembrar que em qualquer investimento denominado em moeda estrangeira, as mudanças nas taxas de câmbio podem ter um efeito adverso no valor, no preço ou na receita de dividendos desse investimento. Mesmo que a diversificação possa ajudar a diluir o risco, ela não garante lucros ou proteção contra perdas. Há sempre a possibilidade de perder dinheiro quando você investe em qualquer produto financeiro. Por isso, considere cuidadosamente seus objetivos e riscos antes de optar por qualquer investimento.