ORC e outros REITs com dividend yield nas alturas: vale a pena investir?

O forward dividend yield da ORC tem atraído investidores. Entenda como é feito o cálculo de dividend yield e o que considerar na hora de escolher REITs com base nesse critério.

O pagamento de altos dividendos é um dos critérios que mais atraem os investidores na hora de escolher um REIT.

REIT você já sabe: é equivalente aos fundos imobiliários brasileiros, só que nos Estados Unidos. Por lá, eles não são fundos, mas sim empresas, com ações negociadas em bolsa.

E dividend yield você também já sabe: é a relação entre o pagamento de dividendos e o preço das ações.

Escolher investimento com base no dividend yield

O dividend yield não pode ser o único critério na hora de escolher quais ações comprar, mesmo que ele esteja nas alturas. 

Há vários outros aspectos a se considerar na hora de escolher um investimento que seja bom, consistente e, o mais importante: adequado para o seu perfil de risco. E a gente te ajuda nessa missão, claro!

Um REIT que está chamando a atenção dos investidores pelo forward dividend yield alto é Orchid Island Capital.

Continue neste artigo para saber o que é forward dividend yield, para conhecer melhor esse REIT e também para entender os pontos que precisam de atenção ao investir em REITs com base no dividend yield.

O que é forward dividend yield?

Forward dividend yield ou dividend yield projetado é um conceito que mede a estimativa do dividendo no período de um ano em relação ao preço atual das ações da empresa.

Orchid Island Capital ($ORC)

A Orchid Island Capital é um mortgage REIT, ou seja, um REIT de hipoteca.

Isso significa que a empresa em si não possui nenhum imóvel físico, mas investe em títulos e recebíveis vinculados ao mercado imobiliário – como as famosas hipotecas americanas, a principal garantia no financiamento de um imóvel.

REITs de hipoteca

Os REITs de hipoteca são semelhantes aos fundos imobiliários de papel aqui no Brasil. No caso da ORC, os investimentos são em hipotecas residenciais.

A ORC é uma empresa com base na Flórida e tem ações negociadas na bolsa de Nova York (NYSE). O valor de mercado da ORC hoje é de US$ 516,8 milhões.

Atualmente, o forward dividend yield da ORC está em um alto patamar. Veja mais abaixo.

Forward dividend yield da ORC

O dividend yield projetado da ORC para 2022 já beira os 20%: está em 18,5%, colocando a empresa no topo por esse critério.

É de brilhar os olhos do investidor, né? Mas calma lá: investidores precisam estar cientes de que rendimentos muito mais altos do que a média geralmente são acompanhados de riscos elevados – e, nesse caso da ORC, não é diferente. 

E mais: como o forward dividend yield mede a projeção de dividend yield pelo preço atual da ação, um forward dividend yield muito alto pode ser efeito de um preço muito baixo das ações.

Em 2022, as ações da empresa acumulam uma queda de quase 40% – o que não é exclusivo desse REIT, já que faz parte de um movimento global.

Em geral, o mercado está mais defensivo por fatores como a guerra na Ucrânia e o início do aumento da taxa básica de juros nos Estados Unidos.

Mas há outros dados que precisam ser levados em conta. No final de fevereiro, a ORC divulgou os resultados referentes ao último trimestre de 2022 – um prejuízo líquido de US$ 44,6 milhões, ante um lucro de US$ 16,5 milhões no mesmo período do ano anterior.

Os ganhos da empresa também têm sido irregulares ao longo dos últimos anos, com prejuízo em 2013 e 2018, além de outros anos de lucro pouco expressivo.

Desde 2014, o dividendo por ação está caindo, pois o lucro por ação está caindo. 

Esse exemplo ilustra o que os especialistas destacam: não se deve investir em uma empresa com base só no forward dividend yield – afinal, se trata de uma projeção que pode não se concretizar. É preciso saber o histórico da empresa, em relação aos resultados financeiros e ao pagamento de dividendos.

Portanto, REITs e também outras ações que pagam bons dividendos são ativos interessantes para compor a carteira, mas sempre com cautela e muita pesquisa.

E, claro, a máxima de sempre: diversificar e não apostar tudo em apenas uma classe que está bombando no momento.

-

DISCLAIMER: importante lembrar que em qualquer investimento denominado em moeda estrangeira, as mudanças nas taxas de câmbio podem ter um efeito adverso no valor, no preço ou na receita de dividendos desse investimento. Mesmo que a diversificação possa ajudar a diluir o risco, ela não garante lucros ou proteção contra perdas. Há sempre a possibilidade de perder dinheiro quando você investe em qualquer produto financeiro. Por isso, considere cuidadosamente seus objetivos e riscos antes de optar por qualquer investimento.