Os 5 melhores e os 5 piores ETFs do momento

Descubra quais ETFs tiveram maior valorização em abril e quais tiveram performance ruim. E saiba o que você precisa levar em consideração antes de comprar ETF

ETF (Exchange Traded Fund) é um fundo de investimento que tem como referência algum índice negociado em bolsa de valores, como o S&P 500.

Sendo assim, ETF é um fundo que contempla várias ações. Quem quer diversificar os investimentos, ou ainda não sabe como escolher as ações para compor a carteira, pode começar investindo em ETFs.

Como destacam especialistas, eles são uma forma de garantir investimentos em diferentes empresas e setores, de um jeito ágil e simples.

No entanto, nem todos os ETFs são indicados para investimentos a longo prazo. Alguns desses títulos, como os ETFs inversos, são destinados a operações de curtíssimo prazo, ou seja, de apenas um dia.

Assim como os demais ativos negociados na bolsa de valores, os ETFs também estão sujeitos a valorização e desvalorização.

Além disso, dependendo das ações presentes no fundo que o ETF replica, ele pode performar bem ou mal, dependendo de diversas influências do momento, como mudanças econômicas.

Para exemplificar, podemos citar os ETFs ligados às ações do setor de commodities que tiveram uma boa valorização desde o início da guerra da Ucrânia.

No entanto, é importante que você saiba que ganhos passados não garantem ganhos futuros. Por isso, você precisa analisar bem o índice que cada ETF replica antes de decidir qual ativo comprar.

Confira a seguir quais foram os ETFs que apresentaram os melhores desempenhos em abril, e quais tiveram as maiores desvalorizações. 

5 Melhores ETFs de abril de 2022

Os ETFs tiveram um mês particularmente difícil em abril. 

Contudo, alguns ETFs tiveram um bom desempenho e garantiram retornos significativos.

Veja agora quais foram os ETFs que tiveram melhor desempenho em abril de 2022:

$UNG

UNG é a sigla de United States Natural Gas Found LP. Esse fundo replica as ações do setor de commodities, principalmente as de empresas de energia e de gás natural. 

No mês de abril  esse ETF teve um retorno de 26,77%

$UNL

UNL é a sigla de United States 12 Month Natural Gas Found LP. Esse ETF é um fundo que contempla 12 contratos futuros de gás natural. O vencimento desses contratos é mensal. 

O UNL apresentou uma valorização de 25,10% no mês passado.

$VIXY

VIXY ou ProShares VIX Short-Term Futures ETF é um fundo que replica um índice de contratos futuros. Os ativos que esse ETF contempla mudam diariamente. Sendo assim, ele não costuma ser indicado para quem quer investir no longo prazo. 

Em abril, esse ETF teve uma valorização de 24,50%.

$SOGU

SOGU ou The Short De-SPAC ETF é um ETF inverso. Isso significa que ele reproduz o retorno inversamente proporcional de um índice, que nesse caso é o The De-SPAC Index. Os ETFs inversos, ou invertidos, são ativos muito voláteis. Além disso, não é recomendado que o investidor permaneça com um ETF inverso por mais de um dia, pois os gestores do fundo costumam alterar os contratos negociados diariamente. 

O SOGU apresentou um retorno de 21,58% no último mês.

$PFIX

PFIX ou Simplify Interest Rate Hedge ETF é um fundo que tem como objetivo proteger contra o aumento da taxa de juros. Por isso, esse ETF detém contratos de opções de taxa de juros OTC, títulos do Tesouro dos Estados Unidos e Títulos Protegidos pela Inflação do Tesouro dos Estados Unidos (TIPS). 

O PFIX teve uma valorização de 17,24% em abril.

5 Piores ETFs de abril de 2022

Apesar de alguns ETFs terem apresentado uma valorização significativa no último mês, outros fundos tiveram grandes perdas. 

Os ETFs que tiveram a pior performance em abril de 2022 foram: 

$DAM

DAM ou Digital Assets Mining é um ETF atrelado a um índice que agrega ações de empresas ligadas à área de tecnologia. 

No último mês, esse fundo apresentou uma desvalorização de -35,65%.

$BKCH

BKCH ou Global x Blockchain é um ETF que segue um índice atrelado a empresas que estão envolvidas com algum tipo de blockchain. O blockchain é um sistema que rastreia o envio e recebimento de informações com criptografia. A tecnologia deu origem às criptomoedas - ou se originou com elas. Mais precisamente, nasceu com o bitcoin. 

Em abril, o BKCH teve uma desvalorização de -34,96%.

$DAPP

DAPP ou Digital Transformation é um ETF que está atrelado a um índice de empresas do ramo de tecnologia. 

No mês de abril, o DAPP teve uma desvalorização de -33,31%.

$CRPT

CRPT ou First Trust SkyBridge Crypto Industry and Digital Economy ETF é um fundo que investe em criptomoedas e empresas de tecnologia. 

O CRPT apresentou uma desvalorização de - 32,08% no mês passado.

$BITQ

BITQ ou Bitwise Crypto Industry Innovators ETF é um fundo atrelado a empresas globais que apoiam uma economia descentralizada e habilitada para criptoativos. 

Em abril, o BITQ teve uma desvalorização de -32,01%.

-

DISCLAIMER: importante lembrar que em qualquer investimento denominado em moeda estrangeira, as mudanças nas taxas de câmbio podem ter um efeito adverso no valor, no preço ou na receita de dividendos desse investimento. Mesmo que a diversificação possa ajudar a diluir o risco, ela não garante lucros ou proteção contra perdas. Há sempre a possibilidade de perder dinheiro quando você investe em qualquer produto financeiro. Por isso, considere cuidadosamente seus objetivos e riscos antes de optar por qualquer investimento.