Machine learning na sua carteira de investimentos

Todo mundo pode - e deve - aprender sobre essa tecnologia, que está em todos setores. E em muitas carteiras de investimento.

O termo machine learning (aprendizagem de máquina) pode assustar. Primeiro, porque se trata de máquina aprendendo a pensar melhor do que a gente... 

Segundo, porque é relativamente complexo de entender com profundidade como acontece.

É uma sequência de coleta, processamento, modelagem, padrões, predição… Que fazem, por exemplo, com que seu celular reconheça o seu rosto em menos de um segundo para desbloquear a tela. 

Machine learning‍: o que significa

Em termos gerais, é uma área da inteligência artificial.

Fomos buscar explicação de especialista pra você:

Marcelo Pivovar, CTO da Oracle Brasil, responde:

O QUE É MACHINE LEARNING?
"Machine learning é treinar a máquina em um assunto ou conjunto de dados usando um algoritmo. É um processo em que, a cada dado coletado, você vai moldando o modelo de entendimento do assunto, para que a máquina seja capaz de entender e tomar uma decisão, baseada em tudo o que ela aprendeu."
O QUE É DEEP LEARNING?
"Para soluções mais complexas, em que você precisa de várias informações de fontes diferentes, algoritmos diferentes e modelos diferentes - pra depois juntar tudo, obter um resultado e tomar uma decisão baseada nele - é o deep learning.
Em outras palavras, é um conjunto com algoritmos, modelos sendo treinados de forma diferentes e até dados diferentes que, ao final, são cruzados para obter uma informação, uma resposta."
O QUE É INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL?
"Tudo isso pode ser considerado AI (artificial inteligence, inteligência artificial - ou seja, IA na sigla em português). Inteligência artificial é um termo genérico e subjetivo, que se tornou popular. Ela é um guarda-chuva para falar de machine learning e deep learning.
Pra entender melhor, vamos pensar em tudo isso se fosse uma criança. Os pais passam ensinamentos a ela, falando e mostrando, e a criança vai aprendendo e montando o "modelo do assunto". Isso é o machine learning.
Os aprendizados no colégio, com professores e amigos, já passam a ser "dados" diferentes entre si, sem uma ligação direta. Assim, a criança vai aprendendo e segue construindo o modelo, para, então, tomar ações de acordo com o que ela aprende.
Nesse momento, já começa um deep learning, em que é necessária uma conexão de tudo pra entender o que cada um está falando e ver como lidar com cada dado que recebeu para, ao final, tomar uma decisão.
Nesse cenário, portanto, a criança seria a inteligência artificial, os pais seriam o machine learning, e o aprendizado na escola e na sociedade seria o deep learning."

Machine learning no seu dia a dia

A máquina realmente aprende com os dados que recebe e cria padrões, para encontrar as melhores respostas, para o que for. A partir delas, a máquina também se retroalimenta. Aprende com os erros e fica ainda mais inteligente. 

É com esses processos complexos e acelerados que, por exemplo, você consegue chegar ao endereço certo, pelo caminho mais rápido. Os apps de mobilidade são baseados em machine learning.

A tecnologia identifica os padrões dos motoristas e entrega sugestões de rota de acordo com inúmeras variáveis, em tempo real. 

Numa indústria, a tecnologia identifica quando um equipamento vai estragar ou quando um insumo precisa ser reposto.

Machine learning também é capaz de fazer música com mais capacidade de acertar o seu gosto do que o seu ídolo - sentimos dizer. A máquina bem treinada consegue descobrir as músicas que você vai curtir. 

Falando nisso, se você quiser se aprofundar no assunto, a máquina de um app de streaming de música nos indicou um podcast focadíssimo no tema: Machine Learning Street Talk

A gente pode seguir com uma lista infinita de soluções de machine learning.

Infinita mesmo, afinal, é um setor que cresce numa velocidade que só uma máquina bem treinada consegue acompanhar. 

Mas vamos simplificar. O que você precisa saber é que machine learning constrói esses algoritmos todos aí que te conhecem muito bem.

E também é bom ficar por dentro de como essa tecnologia está movimentando o mercado.

-

Disclaimer: importante lembrar que em qualquer investimento denominado em moeda estrangeira, as mudanças nas taxas de câmbio podem ter um efeito adverso no valor, no preço ou na receita de dividendos desse investimento. Mesmo que a diversificação possa ajudar a diluir o risco, ela não garante lucros ou proteção contra perdas. Há sempre a possibilidade de perder dinheiro quando você investe em qualquer produto financeiro. Por isso, considere cuidadosamente seus objetivos e riscos antes de optar por qualquer investimento.