Segunda - 14/02/2022

Assuntos quentes que movimentam o mercado hoje

Fonte: Google Finance

Wall Street fecha sem direção em meio a tensão entre Rússia e EUA

As Bolsas de Nova York fecharam a segunda-feira com sinais distintos em mais um dia de mercado tenso em razão das incertezas sobre a crise entre Estados Unidos e Rússia por conta de uma possível invasão na Ucrânia.

Desde domingo, os EUA anunciaram a suspensão de serviços na embaixada em Kiev. A embaixada na capital da Ucrânia foi fechada temporariamente e os funcionários foram realocados para Lviv, no oeste do país. A medida foi tomada “devido à dramática aceleração no acúmulo de forças russas”, disse Antony Blinken, o secretário de Estado dos EUA. A medida é vista como um sinal de provável invasão russa.

Por conta desses temores, o índice Dow Jones fechou aos 34.566,17 pontos, uma queda de 0,49%. Essa foi a terceira vez seguida que o índice registrou queda. 

Já o índice Nasdaq fechou com estabilidade, aos 13.790,92 pontos.

Por outro lado, o S&P 500, das 500 maiores empresas cotadas na bolsa, teve uma leve queda de 0,38%, fechando a 4.401,67 pontos. A maior perda aconteceu com o setor de energia, que registrou queda de 2,24%. Em outra ponta, o setor de consumo discricionário teve alta de 0,58%.

Outro fator que ajuda a entender os resultados de hoje é o temor pela alta futura das taxas de juros pelo Fed, o Federal Reserve, banco central americano.

Bolsas europeias e petróleo

Um possível conflito entre Rússia e Ucrânia também mexeu com as bolsas europeias e os preços do petróleo, que subiram mais de 2% nesta segunda, maior em sete anos. 

É bom lembrar que a Rússia é um dos maiores produtores de petróleo no planeta. O petróleo Brent teve alta de US$ 2,04 (2,2%) e fechou aos US$ 96,48 o barril. Já o petróleo dos EUA (WTI) registrou alta de US$ 2,36 (2,5%) e terminou aos US$ 95,46 o barril.

O índice Stoxx 600 registrou uma queda de 1,83%, a 460,96 pontos. Essa foi a maior queda desde o dia 24 do mês passado. A maior baixa do dia entre as principais bolsas europeias foi a de Madri, onde o índice Ibex-35 teve queda de 2,55%, a 8.573,80 pontos. 

FED

Ainda nesta semana, o banco central americano deve apontar quais serão os próximos caminhos da política monetária do país, após indicar uma alta nas taxas de juros já no mês de março.

-

Faça parte da primeira comunidade de investimentos da América Latina para o mercado americano! Baixe o app SproutFi, aprenda e interaja com outros investidores.