Quarta - 06/04/2022

O que você precisa saber hoje

Wall Street e petróleo em queda; Dólar tem segunda alta seguida, a R$ 4,71

1.       EUA anunciam sanções contra filhas de Putin após massacre em Bucha

2.       Bolsas de NY têm nova queda; Nasdaq perde 2,2%

3.       Petróleo fecha em forte queda

4.       Dólar tem alta de 1,20%, a R$ 4,71

5.       Bitcoin despenca para US$ 43 mil

O que você precisa saber

Embora a Rússia continue negando que praticou crimes de guerra e matou centenas de civis em Bucha, o presidente dos EUA, Joe Biden, anunciou hoje que o país fará sanções econômicas contra as duas filhas do presidente russo, Vladimir Putin.

Segundo informações da CNN, os EUA já sancionaram mais de 140 oligarcas e familiares russo, além de 400 funcionários do governo de Putin.

A Rússia diz que os crimes em Bucha são uma “provocação grosseira” e que as negociações por um acordo de paz estão em xeque.

O premiê da Hungria, Viktor Orbán, disse hoje que tem conversas avançadas com Putin por um cessar-fogo imediato na Ucrânia.

Bolsas de NY tiveram novo dia de queda

As Bolsas de Nova York fecharam pelo segundo dia seguido em baixa, principalmente o índice Nasdaq. Hoje, o Fed (Federal Reserve, o banco central dos EUA) falou em um aperto da política monetária.

O S&P 500 registrou baixa de 0,97%, após uma queda de 1,26% ontem, e fechou aos 4.481,15 pontos. O Dow Jones perdeu 0,42, depois de uma queda de 0,80%, aos 34.496,51 pontos. E o Nasdaq recuou 2,22%, ante uma queda de 2,26% ontem, aos 13.888,82 pontos.

Dólar tem 2º dia de alta

O dólar registrou alta pelo segundo dia seguido. Depois de subir 1,13% ontem, a moeda americana avançou 1,20% hoje e fechou o dia cotada a R$ 4,715.

Agora, o dólar reduziu a queda no mês para 0,91% e no ano, para 15,41%.

O valor do dólar divulgado nesta seção refere-se ao dólar comercial.

Barril do petróleo tem forte queda

O barril de petróleo do tipo Brent recuou 5,22% após um recuo de 0,75% ontem, para US$ 101,07 na Intercontinental Exchange (ICE), de Londres.

O barril de WTI registrou uma queda de 5,62%, depois de queda de 1,27% ontem, para US$ 96,23, na Bolsa de Mercadorias de Nova York (Nymex).

Bitcoin despencou 4,60% em 24 horas

Em uma semana de constantes quedas nas criptomoedas, o Bitcoin registrava queda de 4,60%, no fim da tarde desta quarta-feira, cotado a US$ 43.929,96. Em sete dias, a queda é de 6,68%.

O Ethereum operava em baixa de 6,77% nas últimas 24 horas, cotado a US$ 3.229,97. Na semana, a queda é de 4,72%.

As informações são do Coinmarketcap.