Bolsas americanas encerram semana em baixa nesta sexta (2)

Desempenho das bolsas nesta sexta (2) tem índices em baixa e empresas de tecnologia com cotação negativa.

Neste artigo:
- Dow Jones, S&P 500 e Nasdaq Composite fecham em baixa;
- O que foi destaque na comunidade Sproutfi.

A primeira sexta-feira (2) de setembro foi muito semelhante à última sexta (26) de agosto: com os principais índices do mercado em queda na bolsa americana. Dow Jones, S&P 500 e Nasdaq 100 tiveram queda superior a 1% e recuaram ainda mais em relação à semana passada.

O Dow Jones (DJI) fechou o dia com 31.283,40 pontos – na última semana, a marca foi de 32.283,40. A baixa em relação à quinta-feira foi de 1,07%.

O S&P 500 (INX), índice que lista as 500 empresas com maior valor de mercado dos Estados Unidos, também encerrou a semana em queda. A marca fechou a sexta-feira com 3.9024,26 pontos, queda de 1,31% em relação ao dia anterior. Em 26 de agosto, sexta-feira da semana passada, o índice marcou 4.057,66 pontos.

Já o Nasdaq Composite (IXIC), por sua vez, encerrou a sexta-feira (2) com queda de 3,94% e recuou para 11.630,86 pontos. Na sexta-feira passada, o índice ficou em 12.141,71 pontos.

Principais baixas

A sexta-feira (2) foi ruim para as principais empresas. Confira o desempenho de algumas:

$AAPL: -1,36%, cotação a US$ 155,81 por ação;
$AMZN: -0,24%, cotação a US$ 127,51 por ação;
$GOOGL: -1,72%, cotação a US$ 107,85 por ação;
$GOOG: -1,69%, cotação a US$ 108,68 por ação;
$META: -3,05%, cotação a US$ 160,32 por ação;
$MSFT: -1,67%, cotação a US$ 256,06 por ação;
$NFLX: -1,71%, cotação a US$ 226,11 por ação;

Destaques na comunidade Sproutfi

Durante a semana, nos destaques na seção "Insights" da comunidade Sproutfi, foram abordados diversos temas, sobretudo, do universo dos ETFs.

No dia 30 de agosto, terça-feira, o tema do artigo foram os principais gestores de ETFs do mercado norte-americano. Entre eles, Vanguard e Blackrock, administradores de ativos pesos pesados na bolsa como $VOO e $IVV.

Na quarta-feira, 31 de agosto, outro tipo de ETF foi abordado: os ETFs de renda fixa, opção que pode ser uma alternativa interessante para o investidor a depender da estratégia escolhida para a carteira.

Na quinta, dia 1º de setembro, o assunto foram temas de investimento dentro do S&P 500.